sábado, 12 de novembro de 2016

O primeiro positivo a gente nunca esquece...


Em 03.11.2016 acordei bem cedo como de costume (afinal sou PetSitter e faz parte da minha rotina levantar as 6h30 da manhã), já estava sentindo muita fome fora do comum, no dia anterior senti uma pontada muita forte do lado esquerdo do abdômen (caso eu tivesse um seria la a dor, hahahaha) e dor nos seios a mais de 15 dias, porém ainda não estava na hora de menstruar. Devido a estes sintomas resolvi comprar um teste caseiro de gravidez, o mais simples possível apenas para desencanar.
Fui pra casa da minha mãe e lá já cheguei abrindo o teste, ela foi comigo pro banheiro (porque minha mãe é dessas, hahaha) coletei a urina e enfiei a bendita fita no pote... Quando apareceu apenas uma linha foi um mix de alivio e "- Que pena!", mas quando minha mãe e eu já estávamos certas de que eu não carregava outro ser comigo: EIS QUE APARECE A SEGUNDA LINHA! Minha mãe saiu correndo gritando pela casa que seria avó, logo ligou para minha "Mãe 2" e saiu por aí espalhando a noticia, eu já sentada no chão do quarto dela, olhando fixamente para aquele teste sem acreditar e com um turbilhão de pensamentos juntos, alegria, medo, desespero... Olhava pra minha mãe e dizia: " - Mãe eu to grávida!" várias vezes.
Por volta das nove e pouco liguei para meu marido e pedi pra ele me encontrar na casa da minha mãe (fica a uns 10 min a pé de casa), como nós tínhamos nos desentendido no dia anterior, ele foi achando até que eu queria me separar dele. 
Não queria dar a noticia de qualquer jeito e pensei em algo diferente o mais rápido possível, menti, quando ele chegou inventei que teríamos de fazer um vídeo para pagina da empresa, dando um recado as pessoas, ele acreditou!
Gravamos o vídeo e a expressão dele ao saber que seria pai foi eternizada. Eu com 28 anos, ele com 29 (completa 30 no próximo mês), estamos juntos a 4 meses e algumas semanas, não deveríamos nos tornar pais agora, mas estamos felizes com a noticia e prontos para tudo que esta por vir (apesar de não fazer ideia do que isso queira dizer).
Minha "mãe 2" chegou em casa com os primeiros presentinhos do baby e minha avó chegou a tarde e recebeu a noticia quase sem acreditar, o primeiro herdeiro da próxima linhagem finalmente iria chegar. E assim foi o restante do dia, elas contando pra família toda, choro, gritos, alegria e eu ainda sem entender o que estava acontecendo.

video



No dia 04.11.2016 fiz um exame de sangue para confirmar e estava grávida de 3 semanas (como disse anteriormente descobri antes do atraso menstrual), seriam gêmeos devido ao histórico familiar do meu namorido???


No dia 05 Diego (O PAI, hahaha) chegou do mercado com flores, disse que cada botão aberto representava nossos meses juntos e os fechados "nosso possíveis gêmeos", porque enquanto não descobrimos é assim que chamamos  


E aqui começa essa jornada totalmente nova, rumo ao desconhecido...


Beijos da mãe ruiva 

0 comentários:

Postar um comentário